TJRS mantém condenação de colunista e DP

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) manteve a condenação imposta ao Diário Popular para indenizar o ex-vereador Cururu Insaurriaga, hoje ocupando cargo de confiança na Prefeitura.

O valor da indenização, que havia ficado em R$ 8 mil na primeira instância, foi majorado para R$ 12 mil na segunda instância.

Após perder em primeiro grau, o DP apelou ao Tribunal, buscando reformar a sentença de condenação. Não conseguiu. O advogado Ivan Machado Ineu, procurador do ex-vereador, entrou com recurso adesivo à apelação. Conseguiu manter a sentença inicial e obteve a elevação do valor da indenização em R$ 4 mil.

O ex-vereador Cururu, na condição de diretor do Horto Municipal, processou o autor da coluna Espeto, do Diário Popular, José Ricardo Castro, e o jornal.

Processou por danos morais, por causa de matéria publicada pelo colunista, na qual este afirma que Cururu fazia uso irregular de viatura pública da prefeitura para sua mudança de domicílio.

Cururu provou que não era verdade o que dizia o colunista.

Aqui a decisão.
____________________
- Amigos é eleito Melhor Blog de Notícias do Brasil em 2011
- Siga o Amigos de Pelotas no Twitter
- Siga o Amigos de Pelotas no Facebook
- Política de Comentários

Um comentário:

Adeni Renato disse...

Fiz um comentário que não foi publicado. Procurei para ler a Política de Comentários, mas o tópico no alto do blog não lista as regras para comentar.